Comissão Própria de Avaliação

Comissão Própria de Avaliação – CPA

Comissão Própria de Avaliação, instituída pela Resolução nº. 15 de 1º de Março de 2004, da Faculdade Betel de Goianésia, que pela Portaria SESu/Mec nº. 369, de 19/ 05/ 2008, DOU de 20/ 05/ 2008, recebe a denominação de Faculdade Evangélica de Goianésia, mantida pela Associação Educativa Evangélica.

A autoavaliação dos cursos da FACULDADE EVANGÉLICA DE GOIANÉSIA é coordenada pela Comissão Própria de Avaliação (CPA) e efetuada pela Subcomissão Interna de Avaliação (SIA) de cada curso.

A avaliação do curso segue um Projeto de Autoavaliação elaborado pela CPA/SIA. Os cursos são avaliados semestralmente conforme cronograma apresentado no Plano Anual de Avaliação. Os resultados são divulgados por meio de relatórios institucionais, seminários de avaliação institucional e no site.

Os cursos utilizam os dados das avaliações para elaborar propostas de melhorias que são enviadas à CPA e, posteriormente, encaminhadas à Direção Geral e à Mantenedora.

Regulamento CPA

Membros CPA

- Matildes José De Oliveira - Presidente

- Maria Das Graças Bueno Da Silva - Membro

- Marly Alves Dos Reis - Docente

- Jadson Belém De Moura – Docente

- Maria De Fatima Silva – Técnico Administrativo

- Jean Carlos De Sousa – Técnico Administrativo

- Fábio José Morais Filho – Discente

- Paulo Luis Da Silva – Comunidade Externa

- Joélcio Da Cunha – Comunidade Externa

- Marcela Silvério Fernandes Cardoso – Discente

Relatório de Autoavaliação

A autoavaliação dos cursos da FACULDADE EVANGÉLICA DE GOIANÉSIA é coordenada pela Comissão Própria de Avaliação (CPA) e efetuada pela Subcomissão Interna de Avaliação (SIA) de cada curso.

A avaliação do curso segue um Projeto de Autoavaliação elaborado pela CPA/SAI. Os cursos são avaliados semestralmente conforme cronograma apresentado no Plano Anual de Avaliação. Os resultados são divulgados por meio de relatórios institucionais, seminários de avaliação institucional e no site.

Os cursos utilizam os dados das avaliações para elaborar propostas de melhorias que são enviadas à CPA e, posteriormente, encaminhadas à Direção Geral e à Mantenedora.

Relatórios Anteriores

2017  2016  2015  2014  2013

2012  2011  2010  2008 – 2009

Avaliação Institucional

O que é SINAES?

Criado pela Lei n° 10.861, de 14 de abril de 2004, o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES) é formado por três componentes principais: a avaliação das instituições, dos cursos e do desempenho dos estudantes. O SINAES avalia todos os aspectos que giram em torno desses três eixos: o ensino, a pesquisa, a extensão, a responsabilidade social, o desempenho dos alunos, a gestão da instituição, o corpo docente, as instalações e vários outros aspectos.

Quais são os instrumentos usados pelo SINAES?

A Autoavaliação, Avaliação Externa, Enade, Avaliação dos Cursos de Graduação e instrumentos de informação (censo e cadastro).

Como são utilizadas as informações obtidas com o SINAES?

As informações obtidas com o SINAES são utilizadas pelas Instituições de Ensino Superior (IES), para orientação da sua eficácia institucional e efetividade acadêmica e social; pelos órgãos governamentais para orientar políticas públicas e pelos estudantes, pais de alunos, instituições acadêmicas e público em geral, para orientar suas decisões quanto à realidade dos cursos e das instituições.

As 10 dimensões da avaliação postuladas pelo SINAES:

1. A missão e o Plano de Desenvolvimento Institucional.

2. A política para o ensino, a pesquisa, a pós-graduação, a extensão e as respectivas normas de operacionalização, incluídos os procedimentos para estímulo à produção acadêmica, as bolsas de pesquisa, de monitoria e demais modalidades.

3. A responsabilidade social da instituição, considerada especialmente no que se refere à sua contribuição em relação à inclusão social, ao desenvolvimento econômico e social, à defesa do meio ambiente, da memória cultural, da produção artística e do patrimônio cultural.

4. A comunicação com a sociedade.

5. As políticas de pessoal, de carreiras do corpo docente e corpo técnico-administrativo, seu aperfeiçoamento, desenvolvimento profissional e suas condições de trabalho.

6.Organização e gestão da instituição, especialmente o funcionamento e representatividade dos colegiados, sua independência e autonomia na relação com a mantenedora, e a participação dos segmentos da comunidade universitária nos processos decisórios.

7. Infraestrutura física, especialmente a de ensino e de pesquisa, biblioteca, recursos de informação e comunicação.

8. Planejamento e avaliação, especialmente em relação aos processos, resultados e eficácia da autoavaliação institucional.

9. Políticas de atendimento aos estudantes.

10. Sustentabilidade financeira, tendo em vista o significado social da continuidade dos compromissos na oferta da educação superior.

Clique na imagem acima para abrir o original

O que é Avaliação Institucional?

A Avaliação Institucional é um dos componentes do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES) e está relacionada:

  • à melhoria da qualidade da educação superior;
  • à orientação da expansão de sua oferta;
  • ao aumento permanente da sua eficácia institucional e efetividade acadêmica e social;
  • ao aprofundamento dos compromissos e responsabilidades sociais das instituições de educação superior, por meio da valorização de sua missão pública, da promoção dos valores democráticos, do respeito à diferença e à diversidade, da afirmação da autonomia e da identidade institucional.

Como é feita a Avaliação Institucional?

Avaliação Institucional divide-se em duas modalidades:

Autoavaliação – Coordenada pela Comissão Própria de Avaliação (CPA) de cada instituição e orientada pelas diretrizes e pelo roteiro da autoavaliação institucional da CONAES.

Avaliação externa – Realizada por comissões designadas pelo Inep/MEC.

Como é a Avaliação Institucional na FACULDADE EVANGÉLICA DE GOIANÉSIA?

A Avaliação Institucional da Faculdade Evangélica de Goianésia mantida da Associação Educativa Evangélica caracteriza-se como um processo de descrição, análise e crítica da realidade da Instituição com a participação dos diferentes setores. Por meio de uma concepção emancipatória e diagnóstica, que visa fortalecer a cultura de autoavaliação, o programa busca contemplar as 10 dimensões do SINAES (Sistema Nacional da Educação Superior) para a avaliação institucional.

SUBCOMISSÃO DE ESPECIALISTA EM AVALIAÇÃO – SEA

A Subcomissão de Especialista em Avaliação – SEA – órgão de apoio às atribuições da CPA tem por finalidade proceder a avaliação dos projetos pedagógicos e das condições de funcionamento dos cursos oferecidos pela Faculdade Evangélica de Goianésia, tendo em vista a melhoria dos processos acadêmicos.

Atribuições da SEA

  • os projetos pedagógicos dos cursos, como documento formal;
  • as condições de oferta dos cursos;
  • os processos de mudança nos Projetos Políticos Pedagógicos;
  • as matrizes curriculares dos cursos.
  • analisar relatórios, elaborar pareceres, encaminhando-os à CPA;
  • colaborar com os processos de avaliação desenvolvidos pelo Ministério da Educação; III – realizar uma reunião ordinária mensal e reuniões extraordinárias para atender situações emergentes;
  • orientar o planejamento das ações internas das unidades acadêmicas e administrativas, quando solicitado pela direção do curso;
  • contribuir com as unidades acadêmicas e administrativas no processo de compreensão e análise da gestão-administrativa.

Regulamento da SEA

SUBCOMISSÃO INTERNA DE AVALIAÇÃO – SIA

A Subcomissão Interna de Avaliação – SIA – órgão de apoio às atribuições da CPA, auxiliando-a nos processos de Avaliação Institucional, presidida pelo Coordenados de cada curso, terá composição mínima de.

Atribuições da SIA:

  • avaliar o Projeto Político do Curso, da concepção à operacionalização efetiva;
  • planejar e operacionalizar os processos avaliativos no curso;
  • coletar dados e disponibilizar informações do curso à CPA;
  • avaliar os processos indicados pela Coordenação do Curso;
  • elaborar relatórios sobre as avaliações realizadas no curso, com pareceres e recomendações enviando-as à CPA;
  • auxiliar nos processos de avaliação do curso desenvolvidos pelo Ministério da Educação;
  • articular a avaliação interna do curso com as prioridades da CPA.

Regulamento da SIA

“O que sabemos é uma gota; o que ignoramos é um oceano.”

Isaac Newton

E-mail: pesquisa@evangelicagoianesia.edu.br